release | vídeos
TERESA CRISTINA, JUSSARA SILVEIRA E RITA RIBEIRO JUNTAS EM “TRÊS MENINAS DO BRASIL”


Uma é maranhense, a outra carioca, a outra mezzo baiana, mezzo mineira. Juntas, Rita Ribeiro, Teresa Cristina e Jussara Silveira formam as Três Meninas do Brasil, uma viagem pela diversidade da música feita nos quatro cantos do país, com direção musical de Jaime Alem, maestro de Maria Bethânia há quase duas décadas. O espetáculo registrado no dia 24 de agosto de 2008, no Teatro Municipal de Niterói, sai agora, em CD e DVD, pela Quitanda, selo de Maria Bethânia.

As três cantoras – donas de longas e sólidas carreiras – dispensam apresentações. Jussara Silveira, mineira de nascimento, mas naturalizada baiana, passeia pelas nuances da canção popular mais sofisticada. Arnaldo Antunes a define como uma intérprete “de densidade emocional extrema, que não deságua em dramaticidade”.

A maranhense Rita Ribeiro traduz, em sua música, uma mistura de MPB, cultura pop e a chamada “música popular de raiz” - o que já lhe rendeu uma indicação ao Grammy Awards. Seu quarto e mais recente disco - Tecnomacumba – é um bem-sucedido mergulho nas influências das religiões africanas na música brasileira.

Já a carioca Teresa Cristina construiu sua premiada carreira na fronteira criativa entre as diferentes vertentes do samba e a música popular de raiz. É uma das mais elogiadas intérpretes do mestre Paulinho da Viola. O trabalho ao lado do Grupo Semente teve forte influência na revitalização da Lapa carioca. Pelo seu segundo cd "A vida me fez assim", Teresa Cristina ganhou o prêmio APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte.

A semente de Três meninas do Brasil nasceudo interesse de Teresa Cristina e Rita Ribeiro em compor algumas canções em parceria. Já nos primeiros encontros das duas, surgiu a idéia de um show em trio e a decisão de convidar Jussara Silveira para ser o terceiro vértice do triângulo musical. “Além de gostar do trabalho delas, de ser fã mesmo, de admirá-las e respeitá-las como artistas, eu sou amiga de ambas, tenho intimidade e, por isso, sempre quis fazer algo junto com elas”, explica Teresa Cristina.

“Como Jussara e Teresa estavam ocupadas com outros compromissos, tomei a iniciativa de elaborar o projeto, marquei uma reunião com Teresa e convidei Jean Wyllys a formatar o projeto conosco”, continua Rita Ribeiro.

“Jean acabou assumindo a direção artística do espetáculo que originou estes cd e dvd, mas precisávamos de um diretor musical que traduzisse nossas convergências e divergências musicais. Aí, a Rita sugeriu o nome do maestro Jaime Alem e nós aprovamos na hora. E tivemos a sorte de ele aceitar”, completa Jussara Silveira. “Aceitei o convite porque reconheço o talento e a seriedade das meninas. E porque achei que o encontro delas seria lindo e memorável”, acrescenta o maestro.

O repertório do show reflete a diversidade cultural do trabalho das três cantoras e faz um passeio pela riqueza da música brasileira, colocando lado a lado clássicos com canções pouco conhecidas. Convivem em harmonia Luiz Gonzaga, Dorival Caymmi, Antônio Vieira, Sérgio Sampaio, Carlinhos Brown, Zeca Baleiro, Chico Buarque, Caetano Veloso, Zé Ramalho e Tom Zé, entre outros. Há também composições próprias e um resgate de sucessos considerados mais populares, como Pôxa, de Gilson, e Impossível Acreditar Que Perdi Você, de Márcio Greyck.

O roteiro inclui ainda uma homenagem aos Tincoãs (grupo vocal composto pelos baianos Mateus, Dadinho e Heraldo que, nos anos 1970, fizeram relativo sucesso entoando músicas inspiradas nas religiões afro-brasileiras) e ao Trio Nordestino, também composto por três músicos baianos.

A banda pilotada pelo maestro Jaime Alem é formada por Rômulo Gomes (baixo e vocais), Cláudio Brito e Thiago da Serrinha (percussão), Marcelo Costa (bateria e percussão), além de Israel Dantas (violões, guitarra e cavaquinho). A direção do DVD é de Daniel Ferro e Rafael Mellin.